The End: o fim definitivo do Ford Fusion



A indústria automobilística está vivendo uma data marcante que indica o fim definitivo do modelo Ford Fusion.

Esta linha, o Ford Fusion, atualmente, não está mais presente no site oficial da companhia em território brasileiro. Mas, qual a razão disso?



Os gestores e representantes da montadora, em nota oficial, declararam que se trata de uma suspensão temporária devido à situação que resultou em nova alta do dólar, com a crise pandêmica, que afetou as condições do mercado. Entretanto, esse tipo de decisão, pela suspensão, poderá tornar-se definitivo, dado que o próprio site da companhia Ford Authority, por meio de seus administradores, em pesquisa junto a diversas fontes, publicou que o modelo sedã de maior porte, cuja fabricação se dá no México, será encerrado a partir do dia 21 do mês de julho de 2020.

Deste modo, essa poderá ser considerada a data de encerramento do era sedã, do único tipo que existe, o qual ainda está sendo produzido nos EUA. Alguns boatos, e notícias não oficiais prorrogavam o encerramento da produção para o final deste ano. Não procede.



Conforme o que foi noticiado por meio do Ford Authority, os gestores da companhia já haviam até suspendido os pedidos de sedã oriundos de concessionárias. Este fato se deu, conforme indicam os especialistas, a partir do dia 28 do mês de fevereiro deste mesmo ano.

A finalização da produção deste modelo será iniciada no dia cinco (5) do mês de junho deste mesmo ano. Neste caso, a última unidade a ser produzida será o modelo Fusion Police, que consiste em uma versão inteiramente adaptada para o serviço do corpo de polícia, como viatura, nos departamentos norte-americanos. No caso do modelo dito comercial, o mesmo terá o prazo de produção estendido por mais tempo, cuja meta está em fazer abastecer as últimas encomendas, para ser encerrada, oficial e definitivamente, no dia 21 do mês de julho, de 2020.

Pois bem, esta é a meta atual, que os administradores da organização Ford, estão empreendendo, porém, as coisas podem mudar de figura, devido à crise provocada pela pandemia de Corona Vírus. A companhia está em uma espécie de impasse, deixando em aberto a possibilidade de abrir novamente as portas da montadora mexicana, na região de Hermosillo. Essa decisão se deu muito recentemente. É possível que datas sejam estabelecidas, remarcadas, até que a situação esteja mais estabilizada.

Assim, a produção da linha sedã poderá ser prorrogada por mais algum tempo, e abastecendo algumas concessionárias, ou atendendo a novos pedidos. Entretanto, nada está definido até o presente momento, nesse sentido. Algumas outras grandes companhias estão tomando a mesma decisão, e adotando o retorno de produções em até dois turnos, dentro de uma linha de produção mais limitada.

No caso do modelo Fusion, se trata do último tipo de sedã produzido e comercializado pela empresa, em nos EUA. A nova estratégia da multinacional está em manter a produção de outras linhas, tais como: as picapes; os tipos SUVs e os clássicos crossovers.

Alguns especialistas, que escrevem para sites norte-americanos, estão convencidos de que este mesmo modelo poderá ser produzido, novamente, depois de um tempo de suspensão, embora adaptado em versão perua crossover.

Atualmente, o comércio do modelo Ford Fusion no Brasil ainda é muito intenso. São seis tipos de automóveis nessa linha, e o único modelo sedã consiste no Ka Sedan. Entretanto, os gestores da companhia haviam anunciado oito lançamentos para o Brasil, durante o ano de 2020. Ainda é preciso aguardar por mais atualizações.

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *