Como Comprar Carro Usado – Dicas para Avaliar o Interior





Confira aqui algumas dicas para avaliar o interior do carro antes de comprar.

Comprar um carro usado pode ser um desafio muito grande para muitas pessoas. Pois são muitos os fatores que pode favorecer ou não essa compra. Muitas pessoas cometem um grande erro quando decidem comprar um carro usado, que é ir pela emoção. O segredo para não se arrepender nesse tipo de compra é: Ter cautela. O ideal é fazer uma boa pesquisa antes de comprar e também avaliar se esse carro está perfeito não só na parte externa, mas principalmente em seu interior. Veja abaixo as principais dicas para acertar na compra do carro usado.

Avalie o preço do carro usado que está à venda

Um carro usado certamente terá um valor menor de mercado. Mas, suspeite se ver um anúncio com um carro perfeito, documentação ok e preço abaixo do esperado. Com toda certeza, esse carro esconde algo negativo. Pode ser um defeito camuflado ou problemas com multas e documentações do carro. Não caia nessa armadilha. Pois esse golpe já é antigo, e muitas pessoas ainda caem na lábia de bons vendedores.




Veja como está o funcionamento do motor

Carros usados podem trazer com eles alguns problemas de funcionamento interno, e entre eles pode estar algum problema no motor. Alguns donos de carros que estão à venda fazem uma boa manutenção no carro. Só que se o motor do mesmo estiver batido, esse carro será uma dor de cabeça futuramente e trará muitos gastos também. O ideal é avaliar o funcionamento desse motor com muita cautela. E só depois decidir se vai ou não comprar esse carro.

Avalie os bancos desse carro

Os bancos de um carro são extremamente importantes. Mas, esse detalhe acaba passando batido por muitos usuários de carros, principalmente na hora de comprar um carro usado. Os estofados devem estar inteiros e sem problemas como ferros empenados e espumas faltando. Bancos com manchas e mofos são horríveis e podem trazer mal cheiros e até mesmo problemas na pele. Quando estiver avaliando um carro usado, peça para sentar no banco e assim vai sentir se está tudo bem. Veja também se ele está reclinando corretamente. Depois de avaliar esses detalhes, é possível ter certeza que esse carro pode ser comprado sem medo. Pois os bancos são importantes para o motorista e todos os ocupantes do carro.


Avalie a direção desse carro

A direção do carro deve ser testada também, já que esse carro está à venda. Avalie se o volante desse carro está muito duro, caso isso se confirme, o carro em questão pode apresentar os seguintes problemas:

– Coluna de direção desalinhada;

– Esticador danificado ou correia;

– Nível de óleo baixo;

– Vazamentos;

Entre outras coisas. Caso sinta algo do tipo na direção do carro que quer comprar, peça uma avaliação de um profissional para entender a razão para estar acontecendo isso.

Problemas com o amortecedor

O amortecedor é uma peça fundamental em qualquer carro. Ele precisa estar funcionando perfeitamente. Ele é responsável por absorver o impacto do peso no carro, evitando assim problemas mais sérios. Essa peça precisa ser trocada quando o carro faz 10 mil quilômetros rodados. Ou seja, um carro usado precisa estar com o amortecedor em dia, principalmente se esse carro estiver à venda. Não deixe escapar esse detalhe.

Se atente ao funcionamento de câmbio do carro

Para identificar se o câmbio do carro está com problemas, veja se há algum barulho na hora de trocar a marcha. Se isso acontecer mais de uma vez no teste, fique ligado. Carro que apresenta engasgos ao passar a marcha pode estar dando sinal que tem algo de errado. Marchas que escapam das suas posições com frequência, é um sinal de alerta para sérios problemas com o câmbio.

Essas são as principais dicas para quem desejar comprar um carro usado!

Escrito por Cristiane Amaral

Compartilhe esta notícia