Toyota anuncia Recall do Corolla

Confira aqui mais informações sobre o chamado de recall do Toyota Corolla.

Possuir um carro com um defeito que pode colocar em risco a segurança e a vida de seus ocupantes e de terceiros é um problema muito sério e preocupante. Quem compra um carro novo, retirado de uma concessionária, nunca espera que seu carro possa apresentar algum problema deste tipo ou algo parecido. Afinal, motor novo, peças novas, tudo do mesmo jeito que saiu da fábrica, com a garantia do fabricante.

Porém, pode acontecer de veículos novos já saírem das fábricas com defeitos de fabricação. Os defeitos podem ser vários, dos mais simples aos mais complicados e em qualquer caso de defeito de fábrica detectado imediatamente as fabricantes anunciam os populares recalls.

Um recall na verdade é uma convocação de veículos que façam parte de um lote que apresenta defeitos e eles são bem mais comuns que imaginamos.

Pois bem, a Toyota acaba de anunciar um recall. Dessa vez, trata-se do modelo Corolla, que deve passar na realidade por dois recalls de uma só vez.

O anúncio foi realizado nesta terça-feira, dia 03 do mês de abril. De acordo com a fabricante, o modelo Corolla apresenta defeitos nos chamados de “airbags mortais” que são produzidos pela Takata. Já o segundo recall, considerado de menos risco, ocorre em decorrência de uma falha existente no controle eletrônico que pertence ao câmbio CVT.

As primeiras informações apontam que são no total 119.598 unidades a ter que passar pelos reparos.

Sendo assim, os proprietários de veículos envolvidos devem telefonar para a concessionária da marca e fazer o agendamento.

O reparo será realizado totalmente gratuito. Para agendar um horário o proprietário do Corolla pode ligar para o número 0800-7030206.

Desde o ano de 2013 a marca já fez várias convocações para reparos no Corolla, sendo sete vezes a necessidade de reparos em decorrência deste mesmo problema. O que se configurou em o maior recall realizado na história dos automóveis.

Embora no Brasil nenhum acidente tenha sido registrado devido a essa falha, no exterior os números apontam um total de 22 mortes, um número alarmante.

A Toyota neste recall irá trocar o airbag do passageiro em um total de 53.635 veículos, todos eles produzidos no ano de 2013.

Desse modo, se você possui um Corolla, confira abaixo os números de chassis que estão envolvidos no recall deste ano:





– 9BRBD48E* Código alfanumérico: De D26020000 a E2642203;

– 9BRBL42E* Código alfanumérico: De D4759577 a E4789205;

O defeito constatado no acessório de segurança está relacionado ao momento em que ele é acionado em caso de acidente. No airbag defeituoso a carcaça do insuflador pode romper e projetar objetos cortantes metálicos nos ocupantes do veículo, levando a danos graves e até mesmo fatais.

Esse problema se dá em decorrência da degradação de um dos componentes depois de períodos longos exposto a variações de temperatura.

Bem, o problema do airbag é um dos problemas que precisam ser reparados, sendo o outro problema localizado no ECU, que é a Unidade de Controle Eletrônico, que serve para controlar a transmissão CVT. Serão reparados um total de 65.963 unidades do modelo GLi 1.8, cuja fabricação ocorreu entre os anos de 2013 e 2017.

Esta falha leva ao aparecimento em seu painel de instrumentos, da luz de advertência, podendo levar a limitação de velocidade de até 60 km/h. Pelo menos este defeito não coloca a segurança e a vida dos ocupantes em risco como é o caso do primeiro.

Os chassis envolvidos neste recall do Corolla GLi 1.8 cuja fabricação se deu entre os anos de 2013 e 2017, são os seguintes:

– 9BRBL3HE* Código alfanumérico: J0104446 a J0125110;

– 9BRBLWHE* Código alfanumérico: F0001003 a H0104445;

O Recall começa a ser realizado no dia 16 do mês de abril. Não deixe de agendar o seu e poder dirigir e levar sua família em segurança.

Sirlene Montes



Compartilhe esta notícia