Recall do Fiat Bravo – Problemas com Airbags




Problema envolve carros do modelo fabricados entre 2010 e 2013.

Os consumidores brasileiros que são proprietários de veículos da Fiat da marca Bravo devem a partir de agora estar bastante atentos. A partir desta terça-feira, dia 1, eles devem procurar com bastante urgência as concessionárias onde adquiriram seus veículos para realizarem o chamado recall do airbag de seus veículos.


A Fiat e a sua marca proprietária, a FCA, declararam que o dispositivo de segurança dos carros desta marca apresenta um defeito bastante grave que pode causar sérios acidentes, inclusive fatais. Eles verificaram que no caso de batidas de maior gravidade, o chamado airbag frontal poderá ser acionado e causar lesões sérias principalmente ao motorista.

Os dispositivos de segurança usados nos veículos da marca Bravo são fabricados pela Takata, localizada na Malásia. O defeito do dispositivo foi descoberto a partir de uma série de investigações que descobriram que o gás de nitrato de amônio, usado para inflar o airbag, quando em contato com a umidade do ar, levaria a um rompimento do envoltório metálico que envolve o mesmo. Ao ser acionado, esta peça se despedaça e pode causar ferimentos graves a quem está perto, com lesões semelhantes ao uso de uma arma branca, do tipo faca. O perigo também está exatamente no acionamento quase simultâneo do chamado segundo estágio da parte frontal do dispositivo que fica localizado em frente ao condutor do veículo. A peça, por causa do defeito, é inflada com uma extrema violência, o que pode levar também a graves traumas no motorista.

Ainda segundo a Fiat, ainda não existem dados de acidentes com este tipo de acessório no Brasil. Na Malásia, já foram catalogados cinco casos de vítimas fatais por causa do defeito do dispositivo. Além da Fiat, outras marcas que usam o dispositivo do mesmo fabricante em seus modelos já teriam convocados seus consumidores para a troca do mesmo.


No Brasil, a montadora está convocando os proprietários do referido veículo e que foram fabricados entre dezembro (21) de 2010 e novembro (1) de 2013. Os carros que se enquadram neste período deverão possuir a numeração do chassi, em ordem não sequencial, entre 9BD198221B9001311 e 9BD198211E9032630. Além disto, para marcar o procedimento, os consumidores devem ligar para o 08007071000 e agendar o melhor dia e horário.

Emanuel Goes

Compartilhe esta notícia