Tabela FIPE Fiat Oggi




Preços da Tabela Fipe para Fiat Oggi

Legenda:
G = Gasolina ou Flex
E = Etanol
D = Diesel

1985

  • Oggi (G): R$ 3.129,00

Confira aqui os valores do Fiat Oggi na Tabela FIPE.

O Fiat Oggi é considerado por muitos como sendo uma das adaptações mais controversas do já conhecido Fiat 147 em relação as variantes que estavam sendo disponibilizadas para o mercado brasileiro de veículos no período situado entre as décadas de 1970 e 1980. O lançamento do Oggi só foi acontecer de fato depois de decorridos sete anos do lançamento do 147. Lembrando que nesse período a concorrência já andava trabalhando em escalas diferenciadas para o segmento.

Logo de início, o Fiat Oggi teria pela frente uma tarefa um tanto complicada, ou difícil, como preferem alguns. Era não apenas necessário, mas uma questão de honra replicar o sucesso de sua base, ou seja, o popular compacto 147. E isso no segmento que era basicamente voltado para os sedãs compactos em carroceriais de três volumes.


O projeto envolvendo o Oggi desenvolveu a ideia de fazer uso do visual e de boa parte do que já havia sido desenvolvido para modelo original (o que acaba incluindo a fama conseguido por aquele). E por fim, havia a necessidade de se oferecer um carro que fosse perfeitamente indicado para pequenas famílias.

Sendo assim, havia a iminente necessidade de se aproveitar a expansão do 147 para o um sedã e ainda garantir um extra que, neste caso, foi o porta-malas espaçoso e que não teria problemas em enfrentar outros modelos.

Entretanto, como todos os modelos de carros, o Oggi também tinha seus desafios. O principal, é claro, era ter como enfrentar a concorrência. Se o espaço e comodidade para pequenas famílias era ótimo, todo o resto era outra história. Por conta dos aspectos importantes deixados de lado, o carro perdia, por exemplo, para o Voyage da Volks.


As comparações entre ele e o 147 sempre foram inevitáveis. Este apresentava versatilidade e a garantia de fazer 14km com 1 litro de gasolina. O Oggi, por sua vez, era mais pesado. E nele não havia melhorias reais em termos de mecânica que compensasse esse ponto. Claro que isso ainda complicou mais a vida do carro para angariar uma posição entre os seus competidores.

O novo sedã compacto era uma espécie de mistura com um pouco do Spazio e do Panorama.

O porta-malas do carro era o atrativo dele, mas também se tornou um problema. Na época a imprensa especializada chegou a destacar que o volume traseiro era desproporcional e muito exagerado, o que acabava por provocar um certo desequilíbrio no carro. Isso afetou muito sua disputa com o Voyage.

O Fiat Oggi foi produzido aqui no Brasil por apenas dois anos. Não foram vendidas mais do que 20 mil unidades. Não é preciso citar que esses dados já deixavam o carro “envergonhado” devido aos bons números obtidos pelo Voyage. O resultado foi o fim da carreira do Oggi.

Por Denisson Soares

Compartilhe esta notícia