Mitsubishi anunciou recall da L200 com problemas nos airbags





Os airbags desse modelo poderão apresentar falhas de funcionamento ocasionando acidentes.

Mais um na lista de carros convocados para recall em 2016. A última notícia partiu da Mitsubishi que anunciou que está convocando ao todo 29.014 unidades da L200 que foram produzidas entre os anos de 2007 e 2010. De acordo com a montadora os airbags desses modelos poderão apresentar falhas de funcionamento podendo ocasionar acidentes fatais. Os carros que se encontram envolvidos nesse recall contam com numeração de chassi não sequencial. Segundo a marca os finais dos mesmos ficam entre 00001 e 30009 (junho de 2007 a dezembro de 2010).

Sobre o defeito encontrado a montadora disse que no caso das unidades convocadas o que acontece é que o gerador de gás das bolsas de segurança poderá acabar eventualmente explodindo. Com isso os ocupantes do veículo poderão ter fragmentos metálicos lançados contra seus corpos. Lesões de graves a fatais poderão acontecer.




O problema não conta com nenhuma medida de resolução a não ser a troca por completo dos airbags. A Mitsubishi informa que o recall terá início na data do dia 04 de julho de 2016 e já deixa o aviso: aqueles que possuírem um veículo que entre na gama dos que estão com o defeito deverão agendar a substituição do equipamento apenas nas oficinas autorizadas marca.

A duração do procedimento para a troca dos airbags leva cerca de uma hora. Os donos da picape L200 poderão entrar em contato com a montadora de segunda a sexta entre 8h e 18h por meio do telefone 0800 7020404 ou do email sac@hpeautos.com.br.


Este recall anunciado pela Mitsubishi é mais um aberto aqui no Brasil como consequência do maior recall que se tem notícia. Sua abrangência é mundial. Ao redor do planeta estima-se que mais 63 milhões de veículos estejam com o problema nos airbags. O número dos veículos que podem sido afetados ainda poderá subir.

O defeito apontado é exclusivo dos airbags que foram fabricados pela empresa japonesa Takata. A companhia construiu seu nome no mercado como uma das principais fornecedoras de peças para montadoras de todo o planeta.

Essa já a segunda vez que a Mitsubishi anuncia um recall no Brasil devido a essa mesma falha. A primeira foi em novembro de 2015. Na época foram convocados alguns modelos do Lancer Evo.

Por Denisson Soares

 

Mitsubishi L200

Compartilhe esta notícia