Volkswagen realiza Recall do Fusca, Jetta e Touareg




Problemas identificados podem dificultar o processo de frenagem dos veículos. Conserto do problema deve demorar aproximadamente 30 minutos.

Nesta quarta-feira, dia 6 de abril de 2016, a Volkswagen anunciou dois recalls envolvendo veículos importados. O chamado em questão atinge 3.929 veículos, sendo 2.414 unidades do Jetta e Fusca (fabricados entre 2015 e 2016) e 1.515 unidades do Touareg (fabricados entre 2011 e 2016).

Jetta e Fusca:

Nestes dois modelos, o problema encontrado foi a possibilidade de quebra do eixo de comando de válvulas do motor. Vale lembrar que este eixo é responsável pelo acionamento da bomba de vácuo do freio.


Caso realmente ocorra a quebra do eixo, a luz de emergência irá acender no painel de instrumentos e o motorista terá uma certa dificuldade para frear, precisando assim de um espaço maior para a frrenagem. Com isso, há um risco de danos materiais e até mesmo físicos aos ocupantes dos carros e também terceiros.

É importante salientar que as unidades envolvidas neste recall foram fabricadas entre 14 de novembro de 2014 e 12 de setembro de 2015. Já a numeração de chassi (não sequencial) das unidades atingidas pelo recall são:

  • Fusca: FM633860 até GM608153.
  • Jetta: FM016817 até GM012303.

Touareg:

No SUV da Volkswagen foi detectado a possibilidade de ausência do anel-trava do eixo do pedal do freio. A ausência da peça, que provavelmente aconteceu por falha na montagem, pode dificultar o processo de frenagem e com isso aumentar as chances de colisões.


Os veículos atingidos por este recall foram produzidos entre os dias 21 de maio de 2010 e 19 de setembro de 2015. Já com relação à numeração dos chassis das unidades envolvidas no chamado, elas vão de BD004943 até GD011250.

Os proprietários de um dos modelos convocados pela Volkswagen podem obter mais informações sobre o recall através do telefone 0800 019 8866. Quem preferir também pode acessar o site http://www.vw.com.br/ e conferir mais informações. Há ainda a opção de entrar em contato direto com uma das concessionárias autorizadas da Volkswagen e obter informações ou até mesmo já agendar uma vistoria no veículo para constatar se realmente será necessário realizar o recall.

Vale lembrar que caso seja constatado que o veículo precisará realmente passar pelo recall, o conserto será bem rápido, tendo um tempo estimado de apenas 30 minutos.

Compartilhe esta notícia