Banco Mercedes-Benz registra recorde em 2010





O ramo de veículos automotores, no Brasil, conquistou bons resultados em 2010. Março, novembro e dezembro foram os meses de recordes históricos, tendência que não deve se repetir em 2011 devido a medidas adotadas pelo Banco Central (BC) para diminuir o acesso ao crédito com fins de controlar a inflação.

Embora não seja a instituição bancária da montadora mais abraçada pelos brasileiros, o Banco Mercedes-Benz encerrou dezembro passado com o seu melhor período desde que chegou ao país.  No mês, R$ 383,7 milhões foram financiados, consideravelmente superiores aos R$ 369,4 milhões de maio de 2010.




No acumulado anual, o comportamento do banco chegou a R$ 3,4 bilhões, avanço de 13% em relação a 2009, quando R$ 3 bilhões foram registrados. No ano, pouco mais de 18,9 mil veículos zero quilômetro da marca foram comercializados, salto de 10% em relação aos quase 17,2 mil de 2009.

O volume aprovado no mês passado cresceu 29% em comparação ao contabilizado em dezembro de 2009. O Crédito Direto ao Consumidor (CDC) pulou 461%, que respondeu por R$ 117,9 milhões do volume liberado.


Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Fenabrave

Compartilhe esta notícia